Série: Nutrição esportiva | Parte 3

3. Pense o cardápio, mas também os horários das refeições.

Além de pensar o que comer é importante saber quando comer. Por isso, o ideal é que as refeições sejam feitas sempre no mesmo horário.

Além disso, uma boa nutrição esportiva, pede que o atleta não fique mais de 5 horas sem comer ou beber nada. Isso pode debilitar seu rendimento.

Outra questão importante é coordenar bem os horários das refeições com os do treino. Afinal é necessário termos energia suficiente para todo o dia, sem acabar passando mal por treinar com estomago muito cheio.

Deixe um comentário